Pesquisar este blog

domingo, 10 de outubro de 2010

Tráfico de animais silvestres

iguanas-correio O Brasil é um dos países do mundo que mais exporta animais silvestres ilegalmente.Trata-se de um negócio que movimenta mais de 1 bilhão de dólares e comercializa cerca de 12 milhões de animais anualmente. Uma das maiores ameaças à natureza.

Segundo o Ibama, o tráfico de animais pode contribuir para a redução de espécies na natureza, tornando-as ameaçadas de extinção no país ou localmente. Alguns exemplos de animais ameaçados e objetos do tráfico são a arajuba, o papagaio-chauá, o curió, o bicudo e o cardeal. O tráfico contribuiu para a extinção na natureza da ararinha-azul, que hoje só existe em cativeiro.

Além da comercialização por intermédio de traficantes, a venda de animais também acontece em estradas pelo país, principalmente na Região Nordeste. Os animais são, em geral, encomendados, e o valor pago é muito baixo. Você pode acessar o relatório completo na Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres (Renctas).

Saiba qual é a rota do tráfico de animais silvestres no Brasil – matéria publicada no G1 em 08/10/2010

.

clique aqui e conheça um pouco mais deste blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, faça sugestões, participe.